Merval: Bolsonaro sai menor do episódio Bebianno

O jornalista Merval Pereira afirma que ao transformar a demissão de Bebianno em questão pessoal, Bolsonaro revela muito sobre seu governo; ele diz "Bolsonaro demonstra, assim, uma maneira de lidar com as crises políticas que não o ajuda a governar"; Merval ainda afirma: "Bolsonaro saiu menor desse episódio, seja pelo bate-boca com seu ministro, humilhando-o publicamente, seja pela demora de uma decisão"

Merval: Bolsonaro sai menor do episódio Bebianno
Merval: Bolsonaro sai menor do episódio Bebianno

247 - O jornalista Merval Pereira afirma que ao transformar a demissão de Bebianno em questão pessoal, Bolsonaro revela muito sobre seu governo. Ele diz "Bolsonaro demonstra, assim, uma maneira de lidar com as crises políticas que não o ajuda a governar". Merval ainda fala: "Bolsonaro saiu menor desse episódio, seja pelo bate-boca com seu ministro, humilhando-o publicamente, seja pela demora de uma decisão."

Em sua coluna, publicada no jornal o Globo, o jornalista destaca: "ao definir como 'de foro íntimo' os motivos para a demissão do ministro-chefe da Secretaria-Geral da presidência da República, seu ex-amigo Gustavo Bebianno, o presidente Bolsonaro revela muito mais do que parece, não se sabe se intencionalmente. Pelo depoimento gravado divulgado no final da noite, onde diz que continua acreditando na seriedade de Bebianno, o uso da expressão 'foro íntimo' pode ter sido apenas um vicio de linguagem."

E pondera: "colocando a demissão no campo pessoal, "julgamento da consciência acerca de coisas morais', Bolsonaro confirma que não houve razão funcional para descartar Bebianno com 50 dias de governo. O presidente Bolsonaro demonstra, assim, uma maneira de lidar com as crises políticas que não o ajuda a governar. A decisão de ir pessoalmente ao Congresso para entregar a reforma da Previdência, porém, mostra que o presidente procura reconstruir a confiança abalada entre os políticos."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247