Merval: demissão de Bebianno mostra que filhos mandam mais do que ministros

"A possível demissão do ministro Bebianno seria a confirmação de que existem no governo três figuras mais importantes que ministros, ou qualquer outro: os filhos do presidente", diz o jornalista Merval Pereira, da Globo, emissora que foi o estopim da queda; Bolsonaro decidiu demiti-lo quando soube de reunião com a emissora

Merval: demissão de Bebianno mostra que filhos mandam mais do que ministros
Merval: demissão de Bebianno mostra que filhos mandam mais do que ministros (Foto: Foto: Moacyr Lopes Junior/Folhapress)

247 – "A possível demissão do ministro Bebianno seria a confirmação de que existem no governo três figuras mais importantes que ministros, ou qualquer outro: os filhos do presidente", diz o jornalista Merval Pereira, da Globo, emissora que foi o estopim da queda. Bolsonaro decidiu demiti-lo quando soube de reunião com a emissora. Leia, abaixo, seu comentário na rádio CBN:

A possível demissão do ministro Bebianno seria a confirmação de que existem no governo três figuras mais importantes que ministros, ou qualquer outro: os filhos do presidente. A saída de Bebianno seria uma turbulência política desnecessária, no momento em que o governo quer aprovar a reforma da previdência. Bolsonaro tem apenas uma suposição de base organizada na Câmara, que vai precisar ser coordenada e os coordenadores do PSL não têm experiencia. Bebianno ficaria como um interlocutor do governo com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que deverá comandar as negociações. Os militares também se preocupam com a ingerência dos filhos, pois acham que nenhum ministro ousaria discordar deles, o que causaria imensa insegurança em todos. Qualquer que seja o desfecho, ainda vai dar muito pano pra manga.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247