Merval diz que Trump tentou dar um 'autogolpe' e defende o seu afastamento

Colunista Merval Pereira, do Globo, defendeu que o presidente dos EUA, Donald Trump, seja afastado pelo Congresso por meio da 25ª emenda. O jornalista, que apoiou o golpe contra Dilma Rousseff, afirma que Trump tentou praticar um "autogolpe"

Merval Pereira e Donald Trump
Merval Pereira e Donald Trump (Foto: Reprodução | REUTERS/Jim Bourg)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O colunista Merval Pereira, de O Globo, defendeu o afastamento do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, devido ao “autogolpe” que ele “tentou ao incentivar seus militantes a impedir a formalização pelo Congresso da eleição de Joe Biden à presidência”. Para Merval, que apoiou o golpe parlamentar contra a presidente eleita Dilma Rousseff, o Congresso norte-americano deverão fazer uso da 25ª emenda “para não deixá-lo continuar no cargo por incapacitação física, ou impedi-lo”. 

‘“Autogolpe” é como o professor de governabilidade da Universidade Harvard, Steven Levitsky, co-autor do livro “Como as Democracias Morrem”, classifica a invasão do Congresso em entrevista à BBC em espanhol’, destaca o jornalista. 

Para o jornalista, “Bolsonaro deixou claro, ao apoiar Trump nas acusações de fraude nas eleições americanas, que pode haver, sim, uma rebelião como a que o presidente americano organizou”. “A especulação ganha foros de verdade quando ele diz claramente que vai haver problema “mais sério” entre nós. O presidente não convive com a democracia, autoritário, querendo sempre mais poder. Por isso, as instituições da democracia deveriam impedir que essa tendência autoritária se revertesse em influência nas Forças Armadas”, completa. 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email