Merval protesta contra vazamento do listão da Odebrecht

Em comentário na CBN, o colunista Merval Pereira protestou contra o vazamento do listão da Odebrecht, que apontou como beneficiários de propina parlamentares que fazem parte da fina flor do golpe, como Aécio Neves, Cássio Cunha Lima, Agripino Maria, Eduardo Cunha, Antonio Imbassahy e José Serra; segundo o colunista, vazamento seria obra de setores da Polícia Federal interessados em "embananar o Congresso" para tentar algum tipo de acordão

Em comentário na CBN, o colunista Merval Pereira protestou contra o vazamento do listão da Odebrecht, que apontou como beneficiários de propina parlamentares que fazem parte da fina flor do golpe, como Aécio Neves, Cássio Cunha Lima, Agripino Maria, Eduardo Cunha, Antonio Imbassahy e José Serra; segundo o colunista, vazamento seria obra de setores da Polícia Federal interessados em "embananar o Congresso" para tentar algum tipo de acordão
Em comentário na CBN, o colunista Merval Pereira protestou contra o vazamento do listão da Odebrecht, que apontou como beneficiários de propina parlamentares que fazem parte da fina flor do golpe, como Aécio Neves, Cássio Cunha Lima, Agripino Maria, Eduardo Cunha, Antonio Imbassahy e José Serra; segundo o colunista, vazamento seria obra de setores da Polícia Federal interessados em "embananar o Congresso" para tentar algum tipo de acordão (Foto: Leonardo Attuch)

247 – Em comentário na CBN, o colunista Merval Pereira protestou contra o vazamento do listão da Odebrecht, que apontou como beneficiários de propina parlamentares que fazem parte da fina flor do golpe, como Aécio Neves, Cássio Cunha Lima, Agripino Maria, Eduardo Cunha, Antonio Imbassahy e José Serra.

Segundo o colunista, vazamento seria obra de setores da Polícia Federal interessados em "embananar o Congresso" para tentar algum tipo de acordão.

"Tudo indica que há um grande conluio para tentar melar a Lava Jato", disse Merval.

Escute aqui o comentário do colunista do Globo.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247