New York Times denuncia devastação da Amazônia sob o governo de 'extrema-direita' de Bolsonaro


247 - Em reportagem principal da edição deste domingo, 28, o jornal The New York Times denunciou o aumento do desmatamento da Floresta Amazônica durante os primeiros seis meses do governo de extrema-direita de Jair Bolsonaro. 

"A parte brasileira da Amazônia perdeu mais de 1.330 quilômetros quadrados de cobertura florestal desde que Bolsonaro assumiu o cargo em janeiro, um aumento de 39% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com a agência do governo que rastreia o desmatamento", diz o New York Times, em reportagem assinada por Letícia Casado e Ernesto Londoño. 

O principal jornal dos Estados Unidos lembra que o Brasil era até então reconhecido internacionalmente pelos esforços e políticas públicas de combate ao desmatamento e proteção da floresta. 

"O sucesso do Brasil em desacelerar a taxa de desmatamento tornou um exemplo internacional de conservação e o esforço para combater a mudança climática. Mas com a eleição do presidente Jair Bolsonaro, um populista que foi multado pessoalmente por violar as regulamentações ambientais, o Brasil mudou substancialmente de rota, recuando dos esforços que fez para desacelerar o aquecimento global ao preservar a maior floresta tropical do mundo", diz o NY Times. 

As duas tendências - o aumento do desmatamento e a crescente relutância do governo em enfrentar atividades ilegais - são preocupantes para pesquisadores, ambientalistas e ex-funcionários que afirmam que o mandato de Bolsonaro pode levar a perdas impressionantes de um dos recursos mais importantes do mundo.

“Estamos enfrentando o risco de desmatamento descontrolado na Amazônia”, oito ex-ministros do Meio Ambiente do Brasil escreveram em uma carta conjunta em maio, argumentando que o Brasil precisava fortalecer suas medidas de proteção ambiental, não enfraquecê-las.

Leia a reportagem do The New York Times na íntegra. 

Também lê:

Alexandre Garcia desdenha do trabalho de voluntários no Nordeste e pede para que 'devolvam' petróleo

"Devolver? Tem que deixar na Shell então, e colocar na casa do Bolsonário q acabou com os comitês dos planos de ação de incidentes...

Glenn: Lava Jato foi facção, liderada por Moro, que exerceu poder por 5 anos sem ser questionada

Em fala no Festival 3i, evento que debate jornalismo no Rio, o editor do Intercept disse que "não tem nada mais perigoso para uma...

Noblat: Bolsonaro quer distância dos pobres

"Este é um governo de ricos e para os ricos. As migalhas que escapem à mesa poderão ser aproveitadas pelos pobres", constata o jornalista...

Alexandre Frota: Moro não vai aguentar por muito tempo o Bolsonaro

Em dois tuítes na manhã deste domingo (20), o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) mirou em Jair e Eduardo Bolsonaro, e saiu...

Glenn diz que Moro é um “homenzinho desonesto” até em questões triviais

Jornalista do Intercept rebate declaração do ministro ao responder a nova Vaza Jato e atribuir a reportagem ao UOL. "Rouba o nosso...