Oliver Stone: apagão na Venezuela pode ter sido ataque dos EUA

O cineasta norte-americano Oliver Stone afirmou que não se pode descartar a participação dos Estados Unidos na queda de energia elétrica que atingiu a Venezuela; pelo Facebook, Stone exemplificou com uma cena do Filme "Snowden", dirigido por ele, em que o então agente da NSA aparece espionando, entre outros, a Venezuela e o Brasil. "Nosso governo causou estragos em sistemas de computadores estrangeiros antes, por exemplo, no Irã, no final dos anos 2000, em uma operação conjunta dos EUA / Israel que visava o programa nuclear do Irã", disse ele

Oliver Stone: apagão na Venezuela pode ter sido ataque dos EUA
Oliver Stone: apagão na Venezuela pode ter sido ataque dos EUA
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O cineasta norte-americano Oliver Stone afirmou que não se pode descartar a participação dos Estados Unidos na queda de energia elétrica que atingiu a Venezuela, entre os dias 7 e 12 de março, ocasionando grave prejuízos à população. 

Pelo Facebook, Stone exemplificou com uma cena do Filme "Snowden", dirigido por ele, em que o então agente da NSA aparece espionando, entre outros, a Venezuela e o Brasil. "Nosso governo causou estragos em sistemas de computadores estrangeiros antes, por exemplo, no Irã, no final dos anos 2000, em uma operação conjunta dos EUA / Israel que visava o programa nuclear do Irã", disse ele. 

"Não podemos ter certeza de que o governo dos EUA esteve envolvido nesta indisponibilidade sem precedentes, mas sabemos que o governo Trump está engajado em uma estratégia imprudente de mudança de regime na Venezuela, buscando fomentar um golpe militar ou uma revolta em massa por meio da criação de um presidência paralela, impondo sanções econômicas devastadoras e ameaçando a intervenção militar", disse o cineasta. 

Assista ao trecho do filme divulgado por Oliver Stone:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247