Operadoras têm 15 dias para explicar vazamento de dados de usuários

O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, notificou Claro, Oi, Tim e Vivo a prestarem informações sobre o vazamento de dados de 103 milhões de celulares

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Operadoras de celular foram notificadas pelo Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, a explicar num prazo de 15 dias o vazamento de dados de 103 milhões de aparelhos.

O objetivo é identificar quais informações foram vazadas e de que forma. Os alvos da notificação foram Claro, Oi, Tim e Vivo, de acordo com reportagem do Jornal Nacional.

No último dia 10 de fevereiro, a empresa de cibersegurança PSafe relatou o vazamento de um banco de dados com registros de 102.828.814 de contas de celular, incluindo o do presidente, Jair Bolsonaro.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email