Pane deixa YouTube fora do ar em diversos países

Os maiores focos do problema de reprodução de vídeos no YouTube estavam nas costas Leste e Oeste dos EUA, na Europa; América do Sul, especialmente no Brasil e na Argentina; Japão, Nova Zelândia e Austrália

YouTube pertence ao Alphabet Inc., do Google
YouTube pertence ao Alphabet Inc., do Google (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O YouTube e o YouTube TV ficaram fora do ar na noite dessa quarta-feira (11). Os problemas começaram por volta das 21 horas, quando os usuários ficaram sem a reprodução dos vídeos, tanto nas plataformas web quanto mobile. O problema afetou ao menos 286 mil usuários ao redor do mundo, apontou o site de monitoramento Downdetector.com.

De acordo com o Canaltech, os maiores focos do problema estavam nas costas Leste e Oeste dos Estados Unidos, na Europa, principalmente no Reino Unido e na França; América do Sul, especialmente no Brasil e na Argentina; Japão, Nova Zelândia e Austrália.

O youtuber Felipe Neto reclamou de prejuízo de cerca de R$ 18 mil com o seu canal fora do ar por duas horas. "Se você está tendo problemas para assistir a vídeos no YouTube agora, não está sozinho - nossa equipe está ciente do problema e trabalhando para corrigi-lo. Seguiremos aqui com todas as atualizações", escreveu a equipe do YouTube, no Twitter.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247