Pannunzio: por que o STF não pergunta onde o clã Bolsonaro escondeu Queiroz?

O jornalista Fabio Pannunzio comparou a maneira como o Judiciário procede em relação ao senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e ao PT, especialmente a Lula. "Por que fazem condução coercitiva contra petistas, prendem até ex-presidente, mas não são capazes de sequer perguntar onde a família Bolsonaro escondeu esse Queiroz?", questionou

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Fabio Pannunzio bateu duro no Judiciário por causa de blindagem ao senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que tinha um esquema de lavagem de dinheiro na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) quando era deputado estadual. O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes determinou a suspensão de todos os processos que envolvem a quebra do sigilo do parlamentar no caso Queiroz.

"Duas perguntinhas. Por que o STF só vai julgar o HC impetrado por Flávio Bolsonaro no dia 21 de novembro? Por que fazem condução coercitiva contra petistas, prendem até ex-presidente, mas não são capazes de sequer perguntar onde a família Bolsonaro escondeu esse Queiroz?", escreveu Pannunzio no Twitter.

Ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz fazia movimentações financeiras atípicas e milionárias. De acordo com relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), ele movimentou R$ 7 mihões em de 2014 a 2017. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email