Para Globo, família de Cunha é trunfo para forçar delação

"A prisão agita o mercado de especulações sobre desdobramentos políticos no governo Temer, no PMDB de modo geral, e, à esquerda, no PT e satélites, caso o ex-deputado decida fazer um acordo de delação premiada à Lava-Jato. Moro e a força-tarefa de Curitiba têm o trunfo dos inquéritos sobre os benefícios usufruídos por Cláudia Cruz, mulher de Cunha, e a filha dele, Danielle, com o dinheiro sujo arrecadado pelo marido e pai", diz editorial do jornal O Globo

Eduardo Cunha e a mulher Claudia Cruz
Eduardo Cunha e a mulher Claudia Cruz (Foto: Leonardo Attuch)

247 – Em editorial desta quinta-feira, o jornal O Globo avalia que a Lava Jato tem um trunfo na mão para forçar a delação de Eduardo Cunha: os inquéritos contra sua esposa Claudia Cruz e sua filha Danielle Dytz.

"A prisão agita o mercado de especulações sobre desdobramentos políticos no governo Temer, no PMDB de modo geral, e, à esquerda, no PT e satélites, caso o ex-deputado decida fazer um acordo de delação premiada à Lava-Jato. Moro e a força-tarefa de Curitiba têm o trunfo dos inquéritos sobre os benefícios usufruídos por Cláudia Cruz, mulher de Cunha, e a filha dele, Danielle, com o dinheiro sujo arrecadado pelo marido e pai", diz o texto.

"Livrar a família de penas de prisão em regime fechado pode ser um incentivo para que Eduardo Cunha testemunhe sobre os subterrâneos que frequentou nos governos lulopetistas, em que o PMDB, principalmente a partir do segundo mandato de Lula, passou a ter fácil trânsito. Muita gente começou a ficar mais inquieta com a prisão de ontem."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247