PF pode prender “hacker” para induzir depoimento contra Intercept

Jornalista Monica Bergamo revela que a Polícia Federal pode anunciar nesta semana a prisão do suposto responsável pelo vazamento das mensagens de Sérgio Moro, Delta Dallagnol e outros procuradores; objetivo seria atingir reportagens com "depoimento induzido"; o jornalista Glenn Greenwald disse que "tática fracassará"

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Enquanto o ministro da Justiça, Sérgio Moro, está de licença do cargo para "interesses particulares", a Polícia Federal poderá anunciar para esta semana a prisão do suposto "hacker" responsável pelo vazamento de mensagens de Moro dos procuradores da Lava Jato, que estão sendo divulgadas pelo site The Intercept e parceiros. 

A informação foi divulgada pela jornalista Monica Bergamo, pelo Twitter. "The Intercept recebeu informação de q PF pode prender um suposto 'hacker' nesta semana para tentar atingir reportagens c depoimento induzido", escreveu Bergamo. 

O jornalista Glenn Greenwald comentou o assunto e disse que a tática "fracassará". "Essa tática equivocada - que a PF durante o afastamento do ministro Sérgio Moro, está considerando realizar essa semana - fracassará. Nenhuma pessoa minimamente racional pode continuar a ver a tática cínica de Moro e Deltan com qualquer credibilidade", disse Greenwald.

Em reportagem nesse domingo, 14, a Folha de S. Paulo e o Intercept mostraram diálogo que mostram que o procurador Deltan Dallagnol montou um plano para ganhar dinheiro às custas da Lava Jato. 

A revelação levou o PT a ingressar no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) com pedido de invetigação conta Dallagnol me o procurador Roberson Pozzobon, bem como do afastamento dos dois das funções no MPF (leia mais no Brasil 247).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email