Sakamoto: na iminência de ser abandonado, Temer afaga militares

Jornalista Leonardo Sakamoto alerta para o risco da aproximação de Michel Temer com militares; "Ao buscar neles fiadores, Temer corre o risco de jogar esse esforço no lixo. E ir junto com ele. O general Hamilton Mourão, ao entrar na reserva, afirmou que é necessário que o Poder Judiciário 'expurgue da vida pública' Michel Temer. Certamente, ele vocaliza muitos aposentados e da ativa", afirma

Jornalista Leonardo Sakamoto alerta para o risco da aproximação de Michel Temer com militares; "Ao buscar neles fiadores, Temer corre o risco de jogar esse esforço no lixo. E ir junto com ele. O general Hamilton Mourão, ao entrar na reserva, afirmou que é necessário que o Poder Judiciário 'expurgue da vida pública' Michel Temer. Certamente, ele vocaliza muitos aposentados e da ativa", afirma
Jornalista Leonardo Sakamoto alerta para o risco da aproximação de Michel Temer com militares; "Ao buscar neles fiadores, Temer corre o risco de jogar esse esforço no lixo. E ir junto com ele. O general Hamilton Mourão, ao entrar na reserva, afirmou que é necessário que o Poder Judiciário 'expurgue da vida pública' Michel Temer. Certamente, ele vocaliza muitos aposentados e da ativa", afirma (Foto: Aquiles Lins)

247 - O jornalista Leonardo Sakamoto avalia que Michel Temer continua indo aonde ninguém jamais esteve. "Foi o primeiro presidente da República a ser denunciado por crimes, em pleno exercício do mandato, pela Procuradoria Geral da República. Insatisfeito com a façanha, foi o primeiro a ser denunciado duas vezes", diz ele. 

"Agora, é o primeiro presidente da República em exercício que tem seu sigilo bancário quebrado. E dependendo das investigações, que tentam comprovar as suspeitas de que ele recebeu propina para beneficiar empresas do setor portuário, ele pode ser denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro", acrescenta. 

Segundo Sakamoto, diante do cenário adverso, não é à toa que Temer trouxe as Forças Armadas para perto de si. "Antes de entregar o comando da intervenção federal na área de segurança do Rio de Janeiro a um general, ele já havia colocado militares em outros postos-chave, como lembrou reportagem de Gustavo Uribe, na Folha de S.Paulo", diz Sakamoto.

"Ao buscar neles fiadores, Temer corre o risco de jogar esse esforço no lixo. E ir junto com ele. O general Hamilton Mourão, ao entrar na reserva, afirmou que é necessário que o Poder Judiciário 'expurgue da vida pública' Michel Temer. Certamente, ele vocaliza muitos aposentados e da ativa", afirma. 

Leia a análise na íntegra no Blog do Sakamoto

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247