Sakamotto: quero um Brasil igual ao do discurso do Temer na ONU

"Uma sociedade desenvolvida é aquela em que todos têm direito a serviços públicos de qualidade – educação, saúde, transportes, segurança. É aquela em que se garante a igualdade de oportunidades", disse Michel Temer, nas Nações Unidas; "Por isso, Michel Temer está propondo um teto para a evolução das despesas públicas baseado na variação da inflação (ou seja, sem crescimento real) e terá que restringir o que é gasto em áreas como educação e saúde", ironizou o blogueiro Leonardo Sakamotto

Nova Iorque - EUA, 20/09/2016. Presidente Michel Temer durante abertura do Debate Geral da 71ª Assembleia Geral das Nações Unidas - ONU. Foto: Beto Barata/PR
Nova Iorque - EUA, 20/09/2016. Presidente Michel Temer durante abertura do Debate Geral da 71ª Assembleia Geral das Nações Unidas - ONU. Foto: Beto Barata/PR (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Trecho do discurso de Michel Temer na ONU e comentários do blogueiro Leonardo Sakamoto:

"Uma sociedade desenvolvida é aquela em que todos têm direito a serviços públicos de qualidade – educação, saúde, transportes, segurança. É aquela em que se garante a igualdade de oportunidades."(Temer)

Por isso, Michel Temer está propondo um teto para a evolução das despesas públicas baseado na variação da inflação (ou seja, sem crescimento real). Terá que restringir o que é gasto em áreas como educação e saúde pois não poderá cortar de outros lados protegidos, como o salário e verba de custeio de deputados federais, senadores, ministros e presidente. Se a qualidade do serviço público segue insuficiente para a garantia da dignidade da população, imagine quando novos investimentos forem cortados. (Sakamotto)

Leia na íntegra.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email