Tereza Cruvinel: esquerda subestima novo quadro eleitoral

"A união conservadora com Alckmin não ficará só no apoio do Centrão. Irá muito além, formando uma coalizão poderosa, decidida a levar Bolsonaro e Alckmin ao segundo turno", destaca a jornalista em sua coluna no Jornal do Brasil, destacando que até agora a resposta da esquerda à aliança do Centrão com Alckmin não foi pela unidade, "como fez a direita, mas o acirramento da disputa entre PT e PDT pelo apoio do PSB e do PC do B"

Tereza Cruvinel: esquerda subestima novo quadro eleitoral
Tereza Cruvinel: esquerda subestima novo quadro eleitoral
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A jornalista Tereza Cruvinel avalia que o tucano Geraldo Alckmin volta a ser peça do jogo com o apoio do Centrão, vinculando-se "também ao que há de mais atrasado e melhor representa a 'velha política'".

Para ela, a esquerda agora subestima o novo quadro eleitoral que se forma. "A união conservadora com Alckmin não ficará só no apoio do Centrão. Irá muito além, formando uma coalizão poderosa, decidida a levar Bolsonaro e Alckmin ao segundo turno", aposta.

A resposta da esquerda à aliança do Centrão com Alckmin não foi pela unidade, "como fez a direita, mas o acirramento da disputa entre PT e PDT pelo apoio do PSB e do PC do B", lembra Tereza. Leia aqui a íntegra da coluna.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247