Vinicius Torres Freire: chance de Lula no primeiro turno aumenta o risco de golpe baixo na eleição

De acordo com o jornalista, pode acontecer uma "avacalhação bolsonarista ou coisa pior"

Vinicius Torres Freire e Luiz Inácio Lula da Silva

247 - Em sua coluna publicada nesta quinta-feira (22) no site do jornal Folha de S.Paulo, o jornalista Vinicius Torres Freire afirma que um possível "resultado apertado" na eleição presidencial em favor do candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT) "está mais sujeito à avacalhação bolsonarista ou coisa pior". 

"O aperto previsível pode incentivar comportamentos bárbaros, que talvez não influenciem o resultado final, mas que envenenem ainda mais a democracia ou causem tumulto. Alguém aí já imaginou que se pode deixar eleitor sem transporte? Em campanhas atrozes de desinformação de última hora? Em qualquer golpe baixo?", questiona. 

"Quem está ansioso com o resultado da eleição deve continuar assim até a noite do domingo 2 de outubro. A indefinição ou um resultado apertado aumentam o risco de tumulto político ou de golpes baixos. Tomar cuidado com a segurança do eleitor e da apuração é tarefa ainda mais séria", escreve o jornalista.

CONTINUA DEPOIS DAS RECOMENDAÇÕES

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.