Wassef é visto como 'persona non grata' no STF

Frederick Wassef é considerado “persona no grata” no Supremo Tribunal Federal (STF). Os ministros da alta corte acham que ele é “entrão” e “mal-educado”

Frederick Wassef
Frederick Wassef (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Wassef provocou incômodo entre os integrantes da suprema corte quando deu entrevistas após o presidente do Supremo, Dias Toffoli, atender a um pedido da defesa de Flávio e suspender, temporariamente, os inquéritos com dados do Coaf. Wassef se gabou da decisão que paralisou o caso Queiroz. Isto causou grande incômodo no STF. 

Na véspera da prisão de Queiroz, na semana passada, Wassef chegou a encontrar Toffoli no Palácio do Planalto, durante a posse do ministro das Comunicações, Fábio Faria. Segundo presentes, o advogado abordou o presidente do Supremo com o jeito expansivo que lhe é de costume e recebeu de volta um “muito prazer, qual seu nome?” - conta Bela Megale em sua coluna no Globo. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247