Xico Sá: como um juiz tem consciência em paz ao ver sem-tetos?

O escritor e jornalista Xico Sá comentou em seu perfil no Twitter o escândalo do recebimento do auxílio-moradia por parte de magistrados e procuradores que residem ou possuem imóvel próprio na mesma cidade onde trabalham; "Como um juiz volta p/ casa com a consciência em paz ao ver um sem-teto na rua e saber que usufrui d uma desonestidade chamada auxílio-moradia?", questionou

O escritor e jornalista Xico Sá comentou em seu perfil no Twitter o escândalo do recebimento do auxílio-moradia por parte de magistrados e procuradores que residem ou possuem imóvel próprio na mesma cidade onde trabalham; "Como um juiz volta p/ casa com a consciência em paz ao ver um sem-teto na rua e saber que usufrui d uma desonestidade chamada auxílio-moradia?", questionou
O escritor e jornalista Xico Sá comentou em seu perfil no Twitter o escândalo do recebimento do auxílio-moradia por parte de magistrados e procuradores que residem ou possuem imóvel próprio na mesma cidade onde trabalham; "Como um juiz volta p/ casa com a consciência em paz ao ver um sem-teto na rua e saber que usufrui d uma desonestidade chamada auxílio-moradia?", questionou (Foto: Charles Nisz)

247 - O escritor e jornalista Xico Sá comentou em seu perfil no Twitter o escândalo do recebimento do auxílio-moradia por parte de magistrados e procuradores que residem ou possuem imóvel próprio na mesma cidade onde trabalham.

"Como um juiz volta p/ casa com a consciência em paz ao ver um sem-teto na rua e saber que usufrui d uma desonestidade chamada auxílio-moradia?", escreveu o colunista do jornal El Pais.

A discussão sobre o auxílio-moradia ganhou fôlego após o juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelos casos da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro requerer o auxílio-moradia mesmo morando no Rio e sendo casado com uma juíza - que também recebe o benefício

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247