Zé de Abreu: arrependimento de Palocci lembra os da ditadura

O ator Zé de Abreu comentou em seu Twitter a carta de desfiliação do PT publicada nesta terça-feira (26) pelo ex-ministro Antonio Palocci; "O 'arrependimento' de Palocci parece os da ditadura. A diferença é o veículo. Era vídeo, agora carta aberta escrita em computador! Na cela?", escreveu o ator na rede social

O ator Zé de Abreu comentou em seu Twitter a carta de desfiliação do PT publicada nesta terça-feira (26) pelo ex-ministro Antonio Palocci; "O 'arrependimento' de Palocci parece os da ditadura. A diferença é o veículo. Era vídeo, agora carta aberta escrita em computador! Na cela?", escreveu o ator na rede social
O ator Zé de Abreu comentou em seu Twitter a carta de desfiliação do PT publicada nesta terça-feira (26) pelo ex-ministro Antonio Palocci; "O 'arrependimento' de Palocci parece os da ditadura. A diferença é o veículo. Era vídeo, agora carta aberta escrita em computador! Na cela?", escreveu o ator na rede social (Foto: Charles Nisz)

247 - Em seu Twitter, o ator José de Abreu comentou a carta de desfiliação do PT publicada pelo ex-ministro Antonio Palocci: "O 'arrependimento' de Palocci parece os da ditadura", disse o ator.

Para Zé de Abreu, a diferença entre a situação atual e do regime militar é a maneira como esse arrependimento é veiculado. "A diferença é o veículo. Era vídeo, agora carta aberta escrita em computador! Na cela?", questionou o artista. 

Ex-ministro dos governo Lula e Dilma, Palocci foi alvo de uma comissão de ética pelas declarações feitas contra o ex-presidente Lula ao juiz Sérgio Moro, no dia 6 de setembro, quando disse que Lula mantinha um "pacto de sangue" com o empresário Emílio Odebrecht.

Na carta (leia aqui), ele afirma: "Somos um partido político sob a liderança de pessoas de carne e osso ou somos uma seita guiada por uma pretensa divindade? Chegou a hora da verdade para nós. De minha parte, já virei essa página."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247