26 estão mortos e 6 desaparecidos após passagem do furacão Eta por Honduras

As ilhas Cayman, Cuba, Bahamas e partes da Flórida estão em alerta

(Foto: REUTERS / Jorge Cabrera)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Pelo menos 26 pessoas morreram e seis estão desaparecidas em função das chuvas causadas pelo furacão Eta, segundo informações divulgadas neste domingo (8) pela Comissão Permanente de Contingência de Honduras.

Após passagem do furação Eta, o país estima que há mais de 65 mil pessoas em estado incomunicável ​​em 68 comunidades no país. Quase 27 mil hondurenhos foram evacuados de suas casas, e mais de 11 mil estão temporariamente localizados em 175 abrigos.

​A equipe Copeco em ação dando resposta imediata junto com o governador, @VidaMejorHN. Melhores Famílias, Polícia e Cancilleria HN entregam ajuda humanitária às famílias afetadas pela passagem do Eta.

"Cem rodovias também foram afetadas por deslizamentos de terra e pedras, 21 pontes foram destruídas e 25 danificadas", relatou.

Nesta segunda-feira (9), nas Ilhas Cayman e em partes de Cuba, são esperadas chuvas de até 650 mm, enquanto nas Bahamas e no sul da Flórida, cerca de 400 mm.

Além disso, tempestades são esperadas de Marco Island a Miami, na Flórida, com ondas que devem atingir um metro de altura.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247