Após queda de Mugabe, novo presidente do Zimbábue toma posse na sexta-feira

Ex-vice-presidente do Zimbábue Emmerson Mnangagwa tomará posse como presidente do país na sexta-feira, após a renúncia de Robert Mugabe que pôs fim a quase quatro décadas no poder; Mnangagwa, que fugiu do país por temer por sua segurança depois que Mugabe o demitiu há duas semanas, aterrissará na base aérea de Manyame, em Harare, nesta quarta-feira; demissão de Mnangagwa levou o Exército a tomar o poder, retirando Mugabe do cargo

Robert Mugabe durante cerimônia de graduação de universidade em Harare 17/11/2017 REUTERS/Philimon Bulawayo
Robert Mugabe durante cerimônia de graduação de universidade em Harare 17/11/2017 REUTERS/Philimon Bulawayo (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - O ex-vice-presidente do Zimbábue Emmerson Mnangagwa tomará posse como presidente do país na sexta-feira, após a renúncia de Robert Mugabe que pôs fim a quase quatro décadas no poder, afirmou a emissora estatal ZBC nesta quarta-feira.

Ex-vice-presidente do Zimbábue Emmerson Mnangagwa sorri na sede do partido, em Harare 10/12/2014 REUTERS/Philimon Bulawayo
Mnangagwa, que fugiu do país por temer por sua segurança depois que Mugabe o demitiu há duas semanas, aterrissará na base aérea de Manyame, em Harare, nesta quarta-feira, às 18h (14h, no horário de Brasília), disse a ZBC. A demissão de Mnangagwa levou o Exército a tomar o poder, retirando Mugabe do cargo.

A queda de Mugabe foi repentina para um homem antes festejado em toda a África como um herói libertador por conduzir sua nação à independência do Reino Unido em 1980 após uma guerra.

O líder de 93 anos se aferrou ao poder durante uma semana após o levante militar, mesmo sendo exortado por seu próprio partido, o Zanu-PF, a sair. Ele finalmente renunciou momentos depois de o Parlamento iniciar um processo de impeachment visto como a única via legal para forçá-lo a sair.

Pessoas dançaram e carros tocaram buzinas nas ruas de Harare após a notícia de que a era Mugabe finalmente terminou. Algumas pessoas exibiam pôsteres de Mnangagwa e do chefe do Exército, general Constantino Chiwenga.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247