Argentina recebe com "grande satisfação" brasileiro no comando da OMC

Em nota, o governo de Cristina Kirchner considerou que "o primeiro latino-americano a ser escolhido para essa importante tarefa contribuirá para lograr um comércio mais justo e de inclusão", que beneficiará a todos, especialmente os países em desenvolvimento

Argentina recebe com "grande satisfação" brasileiro no comando da OMC
Argentina recebe com "grande satisfação" brasileiro no comando da OMC

Monica Yanakiew
Correspondente da Agencia Brasil/EBC

Buenos Aires – O governo argentino recebeu com “grande satisfação” a eleição do embaixador Roberto Carvalho Azevêdo, para o cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comercio (OMC). Em nota, divulgada ontem (7) a Chancelaria argentina considerou que “o primeiro latino-americano a ser escolhido para essa importante tarefa contribuirá para lograr um comércio mais justo e de inclusão”, que beneficiará a todos, especialmente os países em desenvolvimento.

Nove candidatos disputaram o cargo, atualmente ocupado pelo francês Pascal Lamy. Mas apenas dois – ambos latino-americanos – chegaram à terceira e última etapa do processo: Azevêdo e o mexicano Herminio Blanco. Segundo a Chancelaria argentina, o fato de os dois finalistas serem da América Latina é uma demonstração “do progresso de nossa região e de sua crescente participação no comércio global”.

O embaixador Roberto Carvalho Azevêdo será empossado no cargo no dia 31 de agosto. A escolha do brasileiro, segundo a Chancelaria argentina, “reflete a vocação de nossos países para avançar, a partir do consenso, na construção do ordenamento econômico mundial”.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247