Ataque suicida no Chade deixa pelo menos 27 mortos

Pelo menos 27 pessoas morreram e mais de 80 ficaram feridas hoje em um triplo atentado suicida no mercado de Loulou Fou, uma ilha no Lago Chade, divulgaram autoridades das forças de segurança do Chade; “Três homens-bomba suicidas explodiram em três locais diferentes do mercado semanal de Loulou Fou”, disse uma fonte das forças de segurança do País

Pelo menos 27 pessoas morreram e mais de 80 ficaram feridas hoje em um triplo atentado suicida no mercado de Loulou Fou, uma ilha no Lago Chade, divulgaram autoridades das forças de segurança do Chade; “Três homens-bomba suicidas explodiram em três locais diferentes do mercado semanal de Loulou Fou”, disse uma fonte das forças de segurança do País
Pelo menos 27 pessoas morreram e mais de 80 ficaram feridas hoje em um triplo atentado suicida no mercado de Loulou Fou, uma ilha no Lago Chade, divulgaram autoridades das forças de segurança do Chade; “Três homens-bomba suicidas explodiram em três locais diferentes do mercado semanal de Loulou Fou”, disse uma fonte das forças de segurança do País (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Agência Lusa

Pelo menos 27 pessoas morreram e mais de 80 ficaram feridas hoje em um triplo atentado suicida no mercado de Loulou Fou, uma ilha no Lago Chade, divulgaram autoridades das forças de segurança do Chade.

“Três homens-bomba suicidas explodiram em três locais diferentes do mercado semanal de Loulou Fou”, disse uma fonte das forças de segurança do país.

As explosões provocaram pelo menos 27 mortes entre a população civil, além dos três homens suicidas, e deixaram mais de 80 feridos.

Esta área está atualmente em estado de emergência devido aos ataques suicidas realizados pelos membros do Boko Haram, um grupo islâmico nigeriano extremista ligado ao Estado Islâmico (EI).

O Boko Haram tem atacado os países vizinhos da Nigéria, entre eles, o Chade e Camarões.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247