Ataques terroristas na Nigéria deixam 90 mortos

Em Maiduguri, capital do Estado de Borno e berço da rede terrorista Boko Haram, a dupla explosão ocorreu em um estabelecimento comercial lotado, localizado em uma área densamente povoada; o primeiro artefato atingiu principalmente clientes; já o segundo também vitimou pessoas que correram para socorrer os feridos

Em Maiduguri, capital do Estado de Borno e berço da rede terrorista Boko Haram, a dupla explosão ocorreu em um estabelecimento comercial lotado, localizado em uma área densamente povoada; o primeiro artefato atingiu principalmente clientes; já o segundo também vitimou pessoas que correram para socorrer os feridos
Em Maiduguri, capital do Estado de Borno e berço da rede terrorista Boko Haram, a dupla explosão ocorreu em um estabelecimento comercial lotado, localizado em uma área densamente povoada; o primeiro artefato atingiu principalmente clientes; já o segundo também vitimou pessoas que correram para socorrer os feridos (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Associated Press - Duas explosões de carros-bomba em um movimentando mercado e um ataque a uma aldeia rural deixaram pelo menos 90 mortos no norte da Nigéria desde a noite desse sábado, 1º, em meio a uma onda de atentados de extremistas islâmicos no país.

Em Maiduguri, capital do Estado de Borno e berço da rede terrorista Boko Haram, a dupla explosão ocorreu em um estabelecimento comercial lotado, localizado em uma área densamente povoada. O primeiro artefato atingiu principalmente clientes. Já o segundo também vitimou pessoas que correram para socorrer os feridos. Entre os mortos estão convidados de um casamento e torcedores que assistiam a uma partida de futebol nas proximidades do local.

Até este domingo, 2, de manhã, 51 corpos haviam sido recuperados pelas equipes de resgate, mas acredita-se que há muitos outros sob os escombros, disse um funcionário da Cruz Vermelha.

Em um vilarejo a 60 quilômetros dali, suspeitos extremistas executaram 39 pessoas na noite de sábado, de acordo com testemunhas que falaram em condição de anonimato, com medo de represálias.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email