Atirador abre fogo na Estônia

Autor de disparos no edifcio do ministrio da Defesa na capital do pas era membro do Exrcito; ele sequestrou trs pessoas e cometeu suicdio aps interveno da polcia



247, com agências internacionais -- O autor dos disparos no ministério da Defesa que sequestrou duas pessoas morreu durante a intervenção da polícia, anunciou a agência Delfi. Segundo o porta-voz da polícia de Tallin, Mihkel Loide, citado pela Delfi, o homem teria se suicidado e os dois reféns estão sãos e salvos. "Os especialistas vão inspecionar o prédio para assegurar que já não há mais perigo e depois as pessoas serão autorizadas a entrar no ministério", afirmou Loide. No meio da tarde, hora local, a polícia recebeu uma ligação do ministério no meio informando sobre disparos e uma explosão no prédio. A polícia então procedeu à evacuação do edifício e estabeleceu um perímetro de segurança.

Dez homens das forças oficiais entraram no edifício com um robô de desarmamento de bombas e novos disparos foram ouvidos posteriormente. Segundo uma fonte do ministério, o homem seria um ex-membro do exército estônio e falava em russo. A Estônia, pequeno Estado báltico de 1,3 milhão de habitantes, ex-República soviética submetida ao Kremlin durante 50 anos depois da Segunda Guerra Mundial, é membro da União Europeia e da Otan desde 2004.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email