Biden e Obama farão campanha juntos no sábado

O ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, fará campanha presencialmente pela primeira vez no sábado junto ao seu ex-vice e atual candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, em Michigan. Pesquisas do RealClearPolitics apontam Biden 7,1 pontos à frente de Trump em âmbito nacional

Joe Biden e Barack Obama
Joe Biden e Barack Obama (Foto: KEVIN LAMARQUE)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Três dias antes das eleições presidenciais no país, Obama e Biden se reunirão no importante estado pendular de Michigan, no qual falarão sobre "a união dos americanos para enfrentar a crise que o país atravessa e vencer a batalha pela alma da nação", anunciou a equipe da campanha democrata em um comunicado.

Na semana passada, em campanha para Biden, Obama apareceu sozinho em comícios drive-in na Pensilvânia e na Flórida — dois estados que o presidente Donald Trump venceu em 2016, mas estão em disputa este ano — alertando os apoiadores de Biden contra a complacência e pedindo-lhes para votar antecipadamente.

Em seus discursos, Obama pediu aos partidários de Biden que não se apoiassem na liderança do candidato democrata segundo as pesquisas, mas votassem, lembrando-os de que Hillary Clinton era a favorita há quatro anos e acabou perdendo.

Neste ano, Biden deve recuperar o estado de Michigan, entre outros, para conseguir chegar à Casa Branca.

De acordo com as pesquisas do site RealClearPolitics, Biden aparece na frente de Trump com 7,1 pontos percentuais em âmbito nacional, e com 8,6 pontos de vantagem em Michigan.

Informações do UOL

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247