Bispo evangélico morre por coronavírus no Chile após culto com 300 pessoas

Salfate presidiu um culto em 16 de março, com a participação de cerca de 300 pessoas na cidade de Paine, perto de Santiago. Três outros pastores evangélicos foram infectados na ocasião.

Médicos atendem paciente com coronavírus
Médicos atendem paciente com coronavírus (Foto: China Daily/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um bispo evangélico morreu no Chile de coronavírus após ter conduzido, no fim de março, um culto reunindo centenas de pessoas em uma cidade perto de Santiago, em meio a fortes críticas aos pastores protestantes que pedem a manutenção das cerimônias religiosas.

Mario Salfate, de 67 anos, morreu na terça-feira no hospital de Los Andes, onde foi internado em 23 de março "após ser confirmado portador de covid-19", informou a instituição médica em comunicado.

Salfate presidiu um culto em 16 de março, com a participação de cerca de 300 pessoas na cidade de Paine, perto de Santiago. Três outros pastores evangélicos foram infectados na ocasião.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247