Bolsonarismo já traz prejuízos e árabes suspendem importação de carne brasileira

A Arábia Saudita, maior importadora de carne de frango do Brasil, parece ter dado início às retaliações do mundo árabe pelo postura de Bolsonaro e do chanceler Ernesto Araújo de implementar uma política externa ideológica de submissão os interesses dos Estados Unidos e de Israel; os árabes riscaram cinco frigoríficos da lista dos exportadores brasileiros para o país árabe, entre eles unidades da BRF e JBS, empresas mais atuantes no setor; medida pode ser início de barreiras impostas após transferência de embaixada brasileira em Israel

Bolsonarismo já traz prejuízos e árabes suspendem importação de carne brasileira
Bolsonarismo já traz prejuízos e árabes suspendem importação de carne brasileira (Foto: Fotos: ABr)

247 – A Arábia Saudita, maior importadora de carne de frango do Brasil, parece ter dado início às retaliações do mundo árabe pelo postura de Bolsonaro e do chanceler Ernesto Araújo de implementar uma política externa ideológica de extrema-direita. O país riscou cinco frigoríficos da lista dos exportadores brasileiros para o país árabe, entre eles unidades da BRF e JBS, empresas mais atuantes no setor. Medida pode ser início de barreiras impostas após transferência de embaixada brasileira em Israel.

A informação é do Jornal Folha de S.Paulo. O governo brasileiro recebeu uma mensagem dos árabes comunicando o descredenciamento.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247