Boris Johnson diz que deve sua vida ao SUS inglês, que ele antes atacava

O primeiro-ministro inglês, que pretendia privatizar o NHS, equivalente ao SUS inglês, precisou ser internado com coronavírus para descobrir a importância da saúde pública e disse que deve sua vida ao serviço estatal

Boris Johnson
Boris Johnson (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, hospitalizado há uma semana com Covid-19, recebeu alta neste domingo (12), três dias depois de deixar a unidade de terapia intensiva. Em sua primeira declaração oficial desde a segunda-feira passada, quando deu entrada no Hospital St Thomas, Boris agradeceu ao serviço público de saúde por ter salvado "sua vida". 

"Nunca agradecerei o suficiente" à equipe do NHS (o serviço de saúde do Reino Unido), "devo a eles minha vida", afirmou em uma mesagem de vídeo postada no Twitter.

No início da pandemia, Boris Johnson havia minimizado os efeitos da doença.

Veja sua fala: 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247