Brasileiros escapam da morte em naufrágio na Itália

Acidente com cruzeiro de luxo ocorrido na noite de sexta na Itlia deixou trs mortos, dois franceses e um peruano; "foi um desespero total", disse um brasileiro

Brasileiros escapam da morte em naufrágio na Itália
Brasileiros escapam da morte em naufrágio na Itália (Foto: REUTERS/Remo Casilli )
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com informações da Agência Estado - O consulado do Brasil em Roma informou que 53 brasileiros estavam no navio de cruzeiro que naufragou na costa italiana na noite de sexta-feira. Segundo o consulado, a empresa Costa Cruzeiros, dona da embarcação, disse que 47 dos brasileiros eram passageiros e os outros seis, tripulantes. Todos foram resgatados com segurança. Segundo o brasileiro Randus Dias Fonseca, que concedeu entrevista por telefone à GloboNews, os botes de resgate raspavam no casco do navio e não desciam até o mar, deixando todos a bordo em pânico. "Foi um desespero total", disse ele.

Inicialmente as autoridades locais divulgaram que pelo menos oito pessoas haviam morrido, mas depois foram confirmados apenas três - dois franceses e um peruano. Autoridades informaram que há 40 feridos e quase 70 desaparecidos com o náufrago do navio próximo a uma ilha da Itália.

Image 123317

A embarcação de luxo levava ao todo cerca de 4.200 pessoas, sendo 3.200 passageiros e 1 mil tripulantes, e encalhou perto da Toscana. "Há três mortes confirmadas", afirmou Guiseppe Linardi, graduada autoridade na província de Grossetto, em entrevista à imprensa italiana. A Costa Cruises, operadora do cruzeiro, confirmou que havia começado a retirada das pessoas do barco. Segundo a empresa, a embarcação fazia uma travessia pelo Mediterrâneo. Em uma lista de passageiros da companhia, havia também mil italianos, 500 alemães e 160 franceses. 

Image 123316

Segundo testemunhas, a tripulação pediu que todos colocassem coletes salvas-vidas e permanecessem calmos. Antes disso, muitos passageiros, desesperados, se jogaram na água. Um dos passageiros contou à imprensa italiana que, por volta das 21h30 "todos estavam jantando quando a luz apagou, houve um tranco e os pratos caíram da mesa". Quando a luz retornou, o comandante anunciou um problema no gerador elétrico e prometeu um rápido conserto, porém, um vazamento de água se abriu no navio, que ficou inclinado e causou pânico entre os passageiros.

A assessoria do Costa Cruzeiro, dona do barco, se declarou "consternada" e expressou pêsames às famílias. Indicou que não é possível determinar de imediato as causas do acidente e assegurou que a retirada foi rápida, apesar de difícil, já que estava entrando muita água no barco. A página da companhia saiu do ar após o acidente. O alto número de visitantes causou um colapso no site. Para mais informações, a empresa pôs à disposição uma linha telefônica para responder aos pedidos de informação: 55-11-2123-3673 e 55-11-2123-3679.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email