Campanha de Biden diz que debate em 22 de outubro deve ser o último

Nesta quinta, Donald Trump disse que não participará de um debate marcado para 15 de outubro depois de ele ter sido alterado de formato presencial para o virtual

Joe Biden durante evento de campanha em Pittsburgh 30/09/2020
Joe Biden durante evento de campanha em Pittsburgh 30/09/2020 (Foto: REUTERS/Mike Segar)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

WASHINGTON (Reuters) - A campanha do candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, rejeitou nesta quinta-feira uma proposta da campanha à reeleição do presidente Donald Trump para um debate no dia 29 de outubro, afirmando que o que está agendado para uma semana antes desta data deve ser o último antes da eleição de 3 de novembro.

Mais cedo nesta quinta, Trump disse que não participará de um debate marcado para 15 de outubro depois de ele ter sido alterado de formato presencial para o virtual. A campanha dele propôs à comissão apartidária que organiza os debates que os encontros marcados para os dias 15 e 22 de outubro sejam adiados em uma semana. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247