Campanha pela saída britância da UE lidera por 2 pontos

Apoio à saída da Grã-Bretanha da União Europeu se manteve em 49 por cento, 2 pontos à frente da campanha pela permanência no bloco de 28 membros, mostrou pesquisa de opinião do instituto ORB para o jornal The Daily Telegraph nesta terça-feira; Grã-Bretanha vai realizar um referendo sobre a permanência na UE em 23 de junho

Apoio à saída da Grã-Bretanha da União Europeu se manteve em 49 por cento, 2 pontos à frente da campanha pela permanência no bloco de 28 membros, mostrou pesquisa de opinião do instituto ORB para o jornal The Daily Telegraph nesta terça-feira; Grã-Bretanha vai realizar um referendo sobre a permanência na UE em 23 de junho
Apoio à saída da Grã-Bretanha da União Europeu se manteve em 49 por cento, 2 pontos à frente da campanha pela permanência no bloco de 28 membros, mostrou pesquisa de opinião do instituto ORB para o jornal The Daily Telegraph nesta terça-feira; Grã-Bretanha vai realizar um referendo sobre a permanência na UE em 23 de junho (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

LONDRES (Reuters) - O apoio à saída da Grã-Bretanha da União Europeu se manteve em 49 por cento, 2 pontos à frente da campanha pela permanência no bloco de 28 membros, mostrou pesquisa de opinião do instituto ORB para o jornal The Daily Telegraph nesta terça-feira.

A pesquisa com 823 pessoas, que foram entrevistadas pelo telefone entre 11 e 14 de março, apontou ainda que 4 por cento dos entrevistados estão indecisos.

Quando só aqueles que pretendem votar com certeza foram perguntados em qual opção votariam, o apoio para deixar a UE subiu para 52 por cento contra 45 por cento para permanecer, além de 3 por cento de indecisos, segundo o levantamento.

A Grã-Bretanha vai realizar um referendo sobre a permanência na UE em 23 de junho.

(Reportagem de Guy Faulconbridge)

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247