Chanceler da Venezuela sobre Donald Trump: chefe da oposição venezuelana

O ministro venezuelano das Relações Exteriores, Jorge Arreaza, em entrevista ao programa American Democracy Now, nesta segunda-feira (25), chamou o presidente dos EUA Donald Trump de "chefe da oposição venezuelana", acusando os Estados Unidos de interferirem nos assuntos internos do país

Chanceler da Venezuela sobre Donald Trump: chefe da oposição venezuelana
Chanceler da Venezuela sobre Donald Trump: chefe da oposição venezuelana (Foto: REUTERS / Kevin Lamarque)

Sputnik Brasil - O ministro venezuelano das Relações Exteriores, Jorge Arreaza, chamou o presidente dos EUA, Donald Trump, de "chefe da oposição venezuelana", acusando os EUA de interferirem nos assuntos internos do país.

A declaração foi feita por Jorge Arreaza no programa American Democracy Now durante uma transmissão ao vivo.

"Por que eles [os presidentes da Venezuela, Nicolás Maduro, e dos EUA, Donald Trump] não podem se encontrar? Isso iria resolver tudo. Maduro é o chefe do governo venezuelano e Trump é o chefe da oposição na Venezuela."

Ao mesmo tempo, Arreaza observou que a pressão no país vem de fora.

"Atualmente, no meu país tudo está calmo […] todo mundo vai para o trabalho, os jovens vão para as universidades ou para as escolas, as pessoas vão para as praias nos fins de semana. Na próxima semana há um carnaval na Venezuela com feriados. Toda a pressão vem do exterior", revelou o chanceler venezuelano.

Segundo Arreaza, atualmente o Pentágono e a Casa Branca não permitem que a oposição venezuelana se sente à mesa das negociações com representantes de Nicolás Maduro.

Em janeiro, na Venezuela ocorreu uma onda de protestos contra o atual presidente Nicolás Maduro, reeleito em março passado. Em 23 de janeiro, o líder da oposição, Juan Guaidó, declarou-se presidente interino, tendo sido apoiado pelos EUA e vários outros países. Maduro recebeu apoio de tais países como a Rússia, México, China, Turquia, Indonésia e outros.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247