Chanceler venezuelano diz que Grupo de Lima é cartel e rechaça ingerência

O chanceler da Venezuela, Jorge Arreaza, denunciou neste sábado (5) as alianças entre o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, e os governos do autodenominado Grupo de Lima para provocar a desestabilização do país; Arreaza qualificou o grupo como Cartel de Lima

Chanceler venezuelano diz que Grupo de Lima é cartel e rechaça ingerência
Chanceler venezuelano diz que Grupo de Lima é cartel e rechaça ingerência

247, com Prensa latina - O chanceler da Venezuela, Jorge Arreaza, denunciou neste sábado (5) as alianças entre o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, e os governos do autodenominado Grupo de Lima para provocar a desestabilização do país; Arreaza qualificou o grupo como Cartel de Lima.

Arreaza qualificou como humilhante e submissa a atuação dos membros desse grupo e a associação de interesses entre estes e os Estados Unidos.

Mike Pompeo, que é o verdadeiro chefe do Cartel de Lima, felicitou seus subordinados por terem cumprido as ordens intervencionistas que o secretário de Estado dos EUA lhes ditou por meio de videoconferência para estimular um golpe de Estado na Venezuela, disse o chanceler venezuelano.

A declaração de Arreaza foi feita logo após a reunião da sexta-feira do Grupo de Lima , na qual 13 dos 14 países membros decidiram não reconhecer o novo mandato de Maduro e instaram a Assembleia Nacional (parlamento) a assumir o poder e convocar novas eleições.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247