China se opõe a laços militares entre Estados Unidos e Taiwan, diz chancelaria

A China se opõe firmemente a qualquer contato oficial e laços militares entre os Estados Unidos e Taiwan, declarou na quarta-feira (31/10) o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Lu Kang (foto), em uma entrevista coletiva

China se opõe a laços militares entre Estados Unidos e Taiwan, diz chancelaria
China se opõe a laços militares entre Estados Unidos e Taiwan, diz chancelaria

247, com Diário do Povo - A China se opõe firmemente a qualquer contato oficial e laços militares entre os Estados Unidos e Taiwan, declarou na quarta-feira (31/10) o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Lu Kang (foto), em uma entrevista coletiva.

O porta-voz fez estas declarações ao comentar sobre a iminente Conferência da Indústria de Defesa Estados Unidos-Taiwan, que será realizada em Maryland.

"A parte chinesa se opõe resolutamente aos contatos oficiais e laços militares de qualquer tipo entre os Estados Unidos e Taiwan, e nossa posição tem sido consistente e clara", indicou o porta-voz.

"Exigimos que a parte americana adira ao princípio de Uma Só China e às estipulações dos três comunicados conjuntos sino-americanos, deixe de procurar contatos oficiais e laços militares de qualquer tipo com Taiwan, abandone as vendas de armas a Taiwan e dirija de maneira prudente as questões relacionadas a Taiwan para evitar danificar as relações entre a China e os Estados Unidos, assim como a paz e a estabilidade através do Estreito de Taiwan", disse Lu.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247