CNN nos EUA diz que Pence pode invocar 25ª Emenda para destituir Trump da Presidência

O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, não descarta invocar a 25ª Emenda da Constituição do país e, com isso, levar ao Congresso a destituição de Trump. Para isso, ele e a maioria do gabinete (ministério) precisam declarar Trump incapaz de desempenhar suas funções

Mike Pence e Trump
Mike Pence e Trump (Foto: REUTERS/Joshua Roberts)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Reportagem da CNN estadunidense assinada pelos jornalistas Jim Acosta e Pamela Brown afirma que o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, não descarta invocar a 25ª Emenda e quer preservar a opção no caso o presidente Donald Trump “fique mais instável”. A 25ª Emenda destitui o presidente de seu cargo e precisa ser invocada pelo vice-presidente.A 25ª Emenda permite que o vice-presidente se torne presidente em exercício quando um presidente estiver impossibilitado de continuar suas funções (por exemplo, se ficar incapacitado devido a uma doença física ou mental). Para tanto, o o vice-presidente e a maioria do gabinete (ministério) precisam declarar o presidente incapaz de desempenhar suas funções.

A fonte citada pela CNN afirma que há alguma preocupação dentro da equipe de Pence de que haja riscos de invocar a 25ª Emenda ou mesmo de um processo de impeachment, já que Trump poderia “tomar algum tipo de ação precipitada colocando a nação em risco”.

Até a noite de sábado (9), Trump e Pence ainda não haviam se falado desde a invasão de quarta-feira (6) no Capitólio dos Estados Unidos que deixou cinco pessoas mortas, incluindo um oficial da Polícia do Capitólio, outra fonte disse à CNN. O presidente também não fez nenhum comentário público repudiando as ameaças de morte postadas nas redes sociais contra Pence.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247