Com o fiasco, Mike Pence ataca Guaidó: bravatas não derrubaram Maduro

O fiasco na tentativa de invasão da Venezuela pela operação de "ajuda humanitária" já tem um culpado, aos olhos do império: Juan Guaidó; o  vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, criticou duramente o autoproclamado "presidente interino" da Venezuela, agora desmoralizado, por não conseguir até hoje a prometida adesão da Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) ao golpe contra Nicolás Maduro

Com o fiasco, Mike Pence ataca Guaidó: bravatas não derrubaram Maduro
Com o fiasco, Mike Pence ataca Guaidó: bravatas não derrubaram Maduro (Foto: REUTERS/Luisa Gonzalez)

247, com Prensa Latina - A derrota militar do autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, ao não conseguir até hoje a adesão da Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) foi alvo de críticas duras por parte do vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence.

O representante do imperialismo estadunidense recriminou Guaidó por seu fracasso desde a sua autoproclamação em 23 de janeiro último, o que implicou também dificuldades para justificar a intervenção militar projetada pela Casa Branca.

A informação foi divulgada pelo portal argentino de notícias "La Política Online", onde descreveu que a reclamação foi feita na reunião do chamado Grupo de Lima, na última segunda-feira (25) , em Bogotá, Colômbia.

Guaidó tinha prometido ao governo dos EUA que se a maioria dos líderes mundiais o reconhecessem como suposto presidente da Venezuela, ao menos a metade dos oficiais da FANB desertariam, o que não ocorreu e provocou a irritação de Pence.

Outra das afirmações falsas de Guaidó consistiu em garantir que a base social que apoia o sistema socialista liderado por Maduro estava 'desintegrada', uma afirmação que tampouco se confirmou.

Em Bogotá, o vice-presidente dos EUA também questionou a atitude pouco comprometida dos milionários venezuelanos que vivem no exterior. 'Esperava-se um aporte mais decidido de dinheiro para financiar a passagem de policiais, militares e políticos ao campo político de Guaidó. Até agora isto não ocorreu.

Diante disso, centros de decisão internacional aliados a Donald Trump começaram a alertar que a oposição venezuelana 'poderia perder o momento' que supostamente ganhou com o surgimento de Guaidó.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247