Começa neste domingo a COP26, conferência do clima organizada pela ONU

Debates principais girarão em torno dos novos compromissos dos países para a redução das emissões de gases poluentes. As conclusões finais, como um novo acordo ou novas metas, serão anunciados no último dia do evento

www.brasil247.com - Ativista protesta contra deterioração do meio ambiente antes da instalação da CPO26 em Glasgow
Ativista protesta contra deterioração do meio ambiente antes da instalação da CPO26 em Glasgow (Foto: Dylan Martinez/Reuters)


247 - Tem início neste domingo (31) mais uma COP (sigla de Conferência das Partes), a cúpula climática da Organização das Nações Unidas (ONU), em sua 26ª edição.

Sediada neste ano em Glasgow, na Escócia, após ter sido cancelada em 2020 por conta da pandemia, a conferência volta com diversos painéis de debate, até o dia 12 de novembro, como parte das negociações entre os 197 países signatários da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (UNFCCC), que viabiliza a elaboração anual das COPs desde 1995.

Na conferência, os países reúnem-se com o propósito de debater a redução de emissão de gases poluentes na atmosfera, embasados nos mais recentes dados científicos que monitoram os impactos atuais e futuros do aquecimento global.

Até o fim do evento, há desde encontros técnicos entre os “negociadores” de cada país, que apresentam os últimos dados, metas e ambições em reuniões de portas fechadas entre ministros da Economia e diplomatas, até workshops com a sociedade civil e declarações de compromissos públicos por parte dos presidentes e primeiros-ministros – o que ocorrerá, na COP26, ao longo dos três primeiros dias de evento.

As conclusões finais, como um novo acordo ou novas metas, serão anunciados no último dia do evento.

Até o momento, está prevista a presença de líderes como Joe Biden (Estados Unidos), Emmanuel Macron (França), Narendra Modi (Índia), Boris Johnson (Reino Unido), Naftali Bennet (Israel), Moon Jae-In (Coreia do Sul), Iván Duque (Colômbia), Alberto Fernández (Argentina), entre outros, informa a CNN. Jair Bolsonaro não irá comparecer.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email