Conselho de Segurança da ONU aprova resolução contra assentamentos em Israel

Decisão foi tomada nesta sexta-feira, 23, após a abstenção dos Estados Unidos, numa mudança histórica de comportamento dos americanos, acostumados a proteger Israel de ações na Organização das Nações Unidas; Israel e Trump pediram aos Estados Unidos que vetassem a medida, que foi aprovada por 14 votos a favor, sob aplausos; é a primeira resolução que o Conselho de Segurança adota sobre Israel e os palestinos em quase oito anos

Conselho de Segurança da ONU 
Conselho de Segurança da ONU  (Foto: Aquiles Lins)

(Reuters) - Após a abstenção dos Estados Unidos em votação no Conselho de Segurança da ONU, foi aprovada nesta sexta-feira uma resolução exigindo que Israel pare de construir assentamentos no território palestino ocupado, em uma mudança de comportamento dos EUA, acostumados a proteger Israel de ações na Organização das Nações Unidas.

A resolução foi apresentada no conselho de 15 membros para uma votação nesta sexta por Nova Zelândia, Malásia, Venezuela e Senegal, um dia depois que o Egito a retirou sob pressão de Israel e do presidente eleito dos EUA, Donald Trump.

Israel e Trump pediram aos Estados Unidos que vetassem a medida, que foi aprovada por 14 votos a favor, sob aplausos.

É a primeira resolução que o Conselho de Segurança adota sobre Israel e os palestinos em quase oito anos.

(Reportagem de Michelle Nichols)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247