COP 25: países em desenvolvimento acusam Brasil de tentar bloquear avanço em negociações

Tentativas de bloqueio e posições irredutíveis de países como o Brasil deverão resultar no fracasso da COP 25, acreditam negociadores presentes no encontro. O Brasil é "parte do problema", chegou a dizer um deles

Jair Bolsonaro e o Ministro de Estado do Meio Ambiente, Ricardo Salles
Jair Bolsonaro e o Ministro de Estado do Meio Ambiente, Ricardo Salles (Foto: Marcos Correa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Representantes de países em desenvolvimento reagiram com irritação ao que eles veem como tentativas de bloquear o progresso da reunião da conferência da Organização das Nações Unidas sobre o clima (COP 25), informa a BBC Brasil nesta quarta-feira (11).

À BBC, um negociador afirmou que "não houve consenso em relação a uma série de temas, segundo ele, em razão das tentativas de bloqueio por parte de alguns grandes responsáveis por emissões de gases de efeito estufa, incluindo o Brasil". 

Carlos Fuller, de Belize, disse que Brasil, Arábia Saudita, Índia e China eram "parte do problema". Outros observadores afirmaram que existe um sério risco de fracasso nas conversas durante o encontro.

Apesar das grandes manifestações em favor do clima e da conferência, que ocorre em Madri entre os dias 2 e 13 de dezembro, "as esperanças de uma declaração ambiciosa na COP 25 foram reduzidas pela realidade política e por algumas posições irredutíveis", diz a reportagem.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247