Depois do massacre, Netanyahu rouba terras palestinas

Israel planeja expropriar 400 hectares na Cisjordânia; "Seguindo as instruções do poder político (...) 400 dunams em Gevaot são declarados terras do Estado", anunciou o exército israelense, do premiê Benjamin Netanyahu; forças armadas acrescentam que as partes afetadas têm 45 dias para apelar; notícia é dada depois da morte de 2.139 palestinos por ataques israelenses

Israel planeja expropriar 400 hectares na Cisjordânia; "Seguindo as instruções do poder político (...) 400 dunams em Gevaot são declarados terras do Estado", anunciou o exército israelense, do premiê Benjamin Netanyahu; forças armadas acrescentam que as partes afetadas têm 45 dias para apelar; notícia é dada depois da morte de 2.139 palestinos por ataques israelenses
Israel planeja expropriar 400 hectares na Cisjordânia; "Seguindo as instruções do poder político (...) 400 dunams em Gevaot são declarados terras do Estado", anunciou o exército israelense, do premiê Benjamin Netanyahu; forças armadas acrescentam que as partes afetadas têm 45 dias para apelar; notícia é dada depois da morte de 2.139 palestinos por ataques israelenses (Foto: Gisele Federicce)

247 – Depois de um massacre que deixou 2.139 palestinos mortos, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, quer roubar terras desse povo. Segundo anúncio feito pelo Exército israelense neste domingo, o governo do país planeja expropriar 400 hectares na Cisjordânia.

"Seguindo as instruções do poder político (...) 400 dunams em Gevaot são declarados terras do Estado", diz o anúncio do Exército, acrescentando que as partes afetadas têm 45 dias para apelar, sem dar mais explicações sobre a ação.

Segundo a organização Paz Agora, que é contra a colonização nos territórios ocupados, o anúncio é uma prova de Benjamin Netanyahu "segue levantando obstáculos ao projeto de dois Estados (israelense e palestino) e promovendo uma solução que consiste em apenas um Estado".

Para a entidade, a medida é sem precedentes desde os anos 1980 por sua envergadura.

Conheça a TV 247

Mais de Mundo

Ao vivo na TV 247 Youtube 247