Dono do Infowars, Alex Jones é condenado nos EUA por desinformação

Ativista de extrema direita Alex Jones foi sentenciado a pagar US$ 4,11 milhões por espalhar mentiras sobre o massacre de Sandy Hook

www.brasil247.com - Alex Jones
Alex Jones (Foto: Reuters)


Por Deutsche Welle - Dono do site de desinformação Infowars, o ativista de extrema direita americano Alex Jones foi condenado pela primeira vez pela Justiça dos EUA por espalhar informações falsas, negando a existência do pior atentado a uma escola na história dos Estados Unidos: o massacre de Sandy Hook, em 2012, em que 20 crianças com idade entre seis e sete anos e seis funcionários foram mortos por um jovem de 20 anos com livre acesso a armas de fogo.

A decisão da Justiça do estado do Texas sentenciou Jones nesta quinta-feira (05/08) ao pagamento de indenização no valor de US$ 4,11 milhões (R$ 21,4 milhões) à família de uma das crianças mortas no ataque. O valor total pode ser ainda maior, já que os pais, Neil Heslin e Scarlett Lewis, ainda aguardam decisão do tribunal em Austin sobre o valor de outras indenizações.

O jornalista alegou falsamente que o tiroteio em Sandy Hook havia sido uma "encenação” orquestrada por interessados em aumentar o controle sobre armas nos Estados Unidos - no país, famoso pelo acesso fácil a armas de fogo e massacres recorrentes, há menos cidadãos que armas em poder de civis.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia a íntegra na DW.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email