Eduardo Bolsonaro deveria ser denunciado e cassado, diz Lula

O ex-presidente Lula defende que Eduardo Bolsonaro deve ser “denunciado” e ter seu mandato de deputado “cassado”, após a revelação de que ele entregou à embaixada dos Estados Unidos uma cópia do dossiê feito pelo Ministério da Justiça contra grupos antifascistas. Assista sua entrevista, concedida à TV 247 na manhã desta terça

Lula e Eduardo Bolsonaro
Lula e Eduardo Bolsonaro (Foto: Reprodução/TV 247 | ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Lula concedeu entrevista à TV 247 na manhã desta terça-feira (11) aos jornalistas Leonardo Attuch, Tereza Cruvinel, Hildegard Angel, Paulo Moreira Leite, Alex Solnik, Marcelo Auler, Nathália Urban e defendeu que Eduardo Bolsonaro deve ser “denunciado” e ter seu mandato parlamentar “cassado”, após revelações de que ele entregou à embaixada dos Estados Unidos uma cópia do dossiê feito pelo Ministério da Justiça contra grupos antifascistas. 

“Hoje leio nos jornais que o filho do Bolsonaro foi entregar o nome de mil brasileiros antifascistas para o governo dos EUA. Esse menino deveria ser denunciado e cassado”, apontou Lula. 

O ex-presidente também ressaltou “que os EUA nunca aceitaram o Brasil como protagonista de nada” e que por isso “há uma interferência direta do país na operação Lava Jato e através do governo Bolsonaro para acabar com a nossa soberania". 

“Em nome quem interessa toda essa interferência no Brasil? Claro, aos EUA”, acrescentou. 

Inscreva-se na TV 247 e confira: 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247