Eleições parlamentares começam nesta sexta-feira na Rússia

Em Moscou e na parte central do país, os postos de votação já abriram e eleição vai até domingo

Eleições na Rússia
Eleições na Rússia (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News

Sputnik - Nesta sexta-feira (17) os russos começam a ir às urnas para eleger os membros da Duma do Estado, a câmara baixa do Parlamento do país, bem como os legisladores regionais e governadores regionais e municipais.

Neste ano, as eleições duram três dias e decorrem de 17 a 19 de setembro. Em Moscou e na parte central do país, os postos de votação já abriram. A votação de três dias será concluída no domingo (19). 

Há possibilidade de votar tanto on-line quanto de forma presencial. A votação eletrônica é possível em sete regiões russas, incluindo a capital. 

PUBLICIDADE

No total, foram realizadas mais de 4.400 campanhas de diversos níveis em todas as 85 regiões da Rússia, com mais de 31 mil mandados em disputa.

A câmara baixa do Parlamento russo é eleita através de um sistema misto: 225 deputados – metade da Duma - são eleitos proporcionalmente por listas partidárias, e os outros 225 em circunscrições uninominais. Para as eleições foram registrados 23 partidos políticos e cerca de 74 mil candidatos aprovados pelo Comitê Eleitoral Central da Rússia. 

PUBLICIDADE

O presidente Vladimir Putin chamou os russos a votar, dizendo ontem em uma mensagem de vídeo que "a eleição da nova composição [da Duma] é, sem dúvida, o evento mais importante na vida da nossa sociedade e país".

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email