Em meio à crise, NY suspende aulas até o fim do ano letivo

O ano letivo norte-americano começa em setembro e termina por volta de junho, portanto serão mais 2 meses sem escolas

Pessoas fazem fila para serem testadas para o coronavírus, no Queens, Nova York
Pessoas fazem fila para serem testadas para o coronavírus, no Queens, Nova York (Foto: REUTERS/Jeenah Moon)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Prefeito da cidade de Nova York, Bill de Blasio, afirmou neste sábado, 11, que as escolas da rede municipal permanecerão fechadas pelo resto do ano letivo norte-americano, que termina, geralmente, em junho, quando começam as férias.

Na cidade, as escolas estão fechadas desde o dia 16 de março, como forma de evitar aglomerações e assim desacelerar a propagação do vírus. 

Nos EUA, o número de infectados já ultrapassou 500 mil casos, com 19 mil óbitos. A maioria dos casos estão concentrados no Estado e cidade de Nova York. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247