Empresa portuguesa negocia com Huawei para substituir Google

Com o avanço da guerra comercial entre EUA e China e o banimento da Huawei por parte da administração Trump, a empresa portuguesa Aptoide é uma das principais alternativas à Play Store da Google, contendo mais de 900 mil aplicativos e 200 milhões de usuários ativos

Empresa portuguesa negocia com Huawei para substituir Google
Empresa portuguesa negocia com Huawei para substituir Google
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik BrasilA empresa portuguesa Aptoide é uma das maiores alternativas à Play Store da Google, contendo mais de 900 mil aplicativos e 200 milhões de usuários ativos.

Com o desdobramento da guerra comercial entre EUA e China, o presidente norte-americano, Donald Trump, impôs que as empresas norte-americanas interrompam o fornecimento de seus serviços a empresas chinesas.

Dessa maneira, a empresa portuguesa passou a negociar uma parceria com a Huawei, segundo Paulo Trezentos, diretor executivo da Aptoide, conforme o portal Tecmundo.

Essa seria uma alternativa ao encerramento do suporte para Android nos dispositivos da gigante asiática, que não poderá mais utilizar a Play Store da Google.

"Vemos esta notícia como uma oportunidade interessante de mercado para criar uma parceria com a Huawei e resolver este problema que surgiu para eles [...]", explicou Paulo Trezentos, destacando que ambas as empresas estão mantendo contato e mostrado interesse no acordo.

A empresa Aptoide já trabalha com três dos maiores fabricantes chineses de smartphones, sendo eles a Xiaomi, Oppo e Vivo, segundo o portal Dinheiro Vivo.

Em caso de acordo, a Aptoide poderia funcionar como app independente ou como base de conteúdo para a loja Huawei. Além disso, há a possibilidade de a empresa chinesa comprar a Aptoide como uma forma de expansão.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247