Enquanto Bolsonaro faz lobby pela cloroquina, autoridade de saúde da administração Trump rejeita o remédio contra a Covid-19

Secretário assistente do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, pediatra e almirante, Brett Giroir disse que não apoia a hidroxicloroquina como tratamento, já que os ensaios "não mostram nenhum benefício"

Cloroquina
Cloroquina (Foto: REUTERS/George Frey)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Sputnik - O responsável por coordenar a aplicação de testes de COVID-19 nos EUA afirmou neste domingo (2) que não há evidências de que a hidroxicloroquina seja um tratamento eficaz contra o novo coronavírus.

O secretário assistente do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, pediatra e almirante Brett Giroir, disse à rede de TV NBC que não apoia a hidroxicloroquina como tratamento, já que os ensaios "não mostram nenhum benefício".

"Precisamos seguir em frente e falar daquilo que é eficaz", destacou Giroir, sugerindo que o medicamento, cujos testes foram interrompidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS), raramente seria prescrito para os pacientes.

A afirmação confirma as alegações do Dr. Anthony Fauci, o principal especialista em doenças infecciosas do país, que também rejeitou a hidroxicloroquina como tratamento.

"A maioria dos médicos atua com base em evidências e eles não se deixarão influenciar pelo que aparece no Twitter ou em qualquer outro lugar. E a evidência científica mostra que a hidroxicloroquina não é efetiva neste momento", acrescentou.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247