Equador prende colaborador de Assange

Um colaborador do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, foi preso nesta quinta-feira (11) no Equador enquanto tentava fugir para o Japão, disse a ministra do Interior do país sul-americano à agência AFP; Maria Paula Romo informou que o preso era uma pessoa próxima de Assange e que vivia no Equador, mas não revelou sua identidade

Equador prende colaborador de Assange
Equador prende colaborador de Assange (Foto: Reuters)

Sputnik - Um colaborador do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, foi preso nesta quinta-feira (11) no Equador enquanto tentava fugir para o Japão, disse a ministra do Interior do país sul-americano à agência AFP.

Maria Paula Romo informou que o preso era uma pessoa próxima de Assange e que vivia no Equador, mas não revelou sua identidade.

Segundo a agência de notícias Associated Press, o detido é um desenvolvedor de software sueco.

Em entrevista à Sputnik, o advogado de Assange, Carlos Poveda, afirma que o preso é um amigo, e não um assessor do fundador do WikiLeaks. "Os advogados não sabem o motivo da prisão, mas desminto que seja um assessor e tenha esse tipo de faculdades", disse.

Poveda também disse que o amigo de Assange foi impedido de falar com seus advogados após ser preso.

Julian Assange foi detido pela polícia de Londres nesta quinta-feira (11) depois de passar 7 anos na embaixada equatoriana após Quito suspender seu asilo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247