Erdogan explica por que não compra sistema de defesa Patriot dos EUA

Os EUA não conseguem cumprir as duas principais condições apresentadas pela Turquia para a compra dos sistemas de defesa antiaérea Patriot, segundo afirmou neste sábado (16) o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan;"A produção conjunta, a concessão de crédito e a entrega antecipada são critérios a que atribuímos grande importância. Apesar de eles [os EUA] concordarem com entregas antecipadas, eles não conseguem garantir a concessão de crédito e a produção conjunta", afirmou Erdogan durante um encontro com jornalistas

Erdogan explica por que não compra sistema de defesa Patriot dos EUA
Erdogan explica por que não compra sistema de defesa Patriot dos EUA (Foto: REUTERS/Marko Djurica)

247, com Sputnik - Os EUA não conseguem cumprir as duas principais condições apresentadas pela Turquia para a compra dos sistemas de defesa antiaérea Patriot, segundo afirmou neste sábado (16) o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.

"A produção conjunta, a concessão de crédito e a entrega antecipada são critérios a que atribuímos grande importância. Apesar de eles [os EUA] concordarem com entregas antecipadas, eles não conseguem garantir a concessão de crédito e a produção conjunta", afirmou Erdogan durante um encontro com jornalistas.

O presidente reafirmou a intenção da Turquia de adquirir os sistemas russos de defesa antiaérea S-400, apesar da oposição dos EUA.

"Nós firmamos um contrato com a Rússia sobre os S-400. Portanto, não se pode falar de nenhum passo atrás. A questão está encerrada. Estamos trabalhando para que os S-400 sejam implantados em julho, tal como prometido", acrescentou.

Anteriormente, Washington informou ter aprovado um possível acordo com a Turquia para venda de sistemas de defesa antiaérea Patriot com o equipamento correspondente no valor de US$ 3,5 bilhões. A Turquia solicitou autorização para a compra de quatro conjuntos com vinte lançadores e 80 mísseis de intercepção.

Previamente, a Turquia rejeitou a proposta dos EUA de se descartar os S-400 em troca do fornecimento dos sistemas norte-americanos Patriot.

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia não irá abrir mão dos sistemas S-400, mesmo se conseguir comprar os Patriot, já que estes sistemas não estão relacionados entre si.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247