Esquerda forma coalizão na Espanha e terá papel decisivo na América Latina

O Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), de centro-esquerda, e o Podemos, de esquerda, decidiram formar um governo de Coalizão. A centro-esquerda no governo espanhol será um apoio importante para Lula em seu novo momento depois que se libertou da prisão política e também na luta contra golpes na América Latina

247 - O Partido Socialista Operário Espanhol, liderado por Pedro Sánchez, e o Podemos de Pablo Iglesias entraram em acordo para formar um governo de coalizão na Espanha, em que o dirigente do PSOE será o presidente e o do Podemos o vice, informa El País.  

Fontes socialistas explicaram que depois do pacto com o Podemos outras forças políticas que derrubaram o governo direitista de Mariano Rajoy também se incorporarão ao governo de centro-esquerda.   

A América Latina conta agora com um importante aliado na Europa. O novo governo liderado pelo socialista Pedro Sánchez, poderá desempenhar um papel decisivo na luta contra os golpes e os governos de direita e extrema-direita na região.   

A Espanha governada pela centro-esquerda, também apoiará Lula, cuja ação política vive um novo momento depois que se libertou da prisão política a que foi injustamente condenado.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247