EUA acusam Turquia de destruir consenso ocidental sobre Rússia

Ancara se tornou um aliado de Washington em que "não se pode confiar" após a Turquia se recusar a aderir às sanções multilaterais contra Moscou

www.brasil247.com - Recep Tayyp Erdogan, presidente da Turquia
Recep Tayyp Erdogan, presidente da Turquia (Foto: Russia Today)


Sputnik - A Turquia destruiu o consenso ocidental de tentar "punir" a Rússia pela operação militar na Ucrânia, escreveu à revista National Interest David Phillips, ex-assessor do Departamento de Estado dos EUA.

De acordo com o ex-assessor, Ancara se tornou um aliado de Washington em que "não se pode confiar" após a Turquia se recusar a aderir às sanções multilaterais contra Moscou.

 "A Turquia destruiu o consenso internacional ao se tornar uma ovelha negra entre os aliados dos EUA [...]", afirmou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além disso, David Phillips ressaltou que o presidente turco Recep Tayyip Erdogan está jogando dos dois lados para expandir sua influência na região e obter benefícios econômicos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O assessor concluiu que os turcos pretendem manter as relações econômicas com a Rússia, envolvendo recursos energéticos, exportação de frutas e legumes, turismo e construção da usina nuclear de Akkuyu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email